Rei morto, rei posto. Depois de Alckmin, Temer reclama do abandono de outro tucano ex-aliado, João Doria

imagens temporarias 6-001
Temer foi ao Twitter gravar um vídeo e, entre caras e bocas, reclamar do candidato João Doria, que o elogiava e agora, nas eleições, o critica. “Seja você mesmo, e não o que o marqueteiro te aconselha. Não falte a verdade”, pediu. Rei morto, rei posto.

Michel Temer perdeu completamente o senso de ridículo, mas vem cometendo um sincericídio que acaba sendo, involuntariamente, engraçado. Não se sabe se o que o move a essa altura, a poucos meses de deixar o governo, ficar sem mandato e sem foro privilegiado, é um senso incompreensível de defesa de um legado que não existe – existe sim um enorme passivo social e político- ou se está seguindo a sugestão de algum marqueteiro em fim de contrato. O fato é que depois de dar uma bronca no candidato tucano Geraldo Alckmin por estar criticando o seu governo, após ter participado e usufruído dele, Temer agora decidiu fazer beicinho para outro tucano de plumagem mais curta, o candidato ao governo do estado de São Paulo do PSDB, João Doria. Assim como fez com Alckmin, Temer reclama de Doria por ter virado saco de pancada de quem, até há pouco, era um aliado amestrado.

No vídeo postado no Twitter (Assista aqui), intitulado “Desacelera @jdoriajr” – um trocadilho com o slogan de Doria, “Acelera SP” – com a expressividade de quem abusou do botox e trazendo na voz a indignação de um mímico -, Temer jogou na cara de Doria que, quando prefeito de São Paulo, “por brevíssimo tempo”, pediu muito auxílio ao governo federal, e foi prontamente atendido. E que, agora nas eleições, decidiu cuspir no prato que comeu. “Você tem usado a propaganda eleitoral para fazer críticas diretas e indiretas – ou seja, você está se desmentindo, porque ao longo do tempo você inúmeras vezes elogiou o meu governo. (…) Você que tanto me elogiou, que tantas vezes enalteceu o meu governo, não é por causa das eleições que você vai mudar suas características. Seja você mesmo, e não o que o marqueteiro te aconselha. Não falte a verdade. Desacelera”, encerrou Temer.

Até o momento em que este artigo foi escrito havia 133 mil visualizações – o que mostra que para um presidente com rejeição de quase 100% e agenda parecida com a de funcionário às véspera das férias -, basta usar o humor, ainda que involuntário, para voltar a ser lembrado. Os comentários ao vídeo são uma piada à parte. “O cara inventou o Marketing de DR”, ironizou um internauta. “HAHAHAHAHAHAHA Presidente esse é o seu maior legado de governo, por favor continue!”, postou outro.

Captura de tela inteira 19092018 200548.bmp

Em outro vídeo (Assista aqui) , de 05/09, Temer reclamou de Alckmin em tom bem mais duro. No pronunciamento, Temer disse para Alckmin “falar a verdade” e criticou suas “falsidades”, uma vez que as críticas ao governo do MDB são relativas a pastas lideradas por partidos que fazem parte da base de apoio do tucano. “Se você vier a ganhar a eleição, essa base (do meu governo) será a sua base governamental. Eu lembro, Geraldo Alckmin, quando você, candidato a governador, candidato a presidente, nas vezes em que eu te apoiei, precisamente para esses cargos, eu acho que você era diferente. Não atenda ao que dizem seus marqueteiros, atenda a verdade. E a verdade é que nós fizemos muito por essas áreas, conduzidas por aqueles que apoiam a sua candidatura”, disse Temer.

É, Temer, até o fim da eleição você ainda vai ter que pedir a retratação de muitos ex-aliados. Rei morto – ou quase morto -, rei posto.

2 comentários em “Rei morto, rei posto. Depois de Alckmin, Temer reclama do abandono de outro tucano ex-aliado, João Doria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s